Siga-nos em

Buscas no site

Banco Credit Suisse Prevê PIB De 5,5% No Brasil
Banco Credit Suisse Prevê PIB De 5,5% No Brasil
Banco Credit Suisse Prevê PIB De 5,5% No Brasil

BRASIL

Banco Credit Suisse prevê PIB de 5,5% no Brasil ‘com viés de alta, perto dos 6%’

Economista-chefe do banco Crédit Suisse, Solange Srour destaca que é preciso aprovar reformas

Economista-chefe do banco Crédit Suisse, Solange Srour destaca que é preciso aprovar reformas

A economista-chefe do banco Crédit Suisse, Solange Srour, afirmou nesta segunda-feira (12) que a economia brasileira deve crescer ao menos 5,5% em 2021, “e com viés de alta, mais próximo dos 6%”.

Para Solange Srour, no entanto, que esse desempenho de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) pode não se reproduzir o mesmo ritmo em 2022.

Ela destaca que os fundamentos da economia é que vão determinar o ritmo de crescimento nos próprios anos, referindo-se ao avanço da agenda libera e à aprovação de reformas necessárias, como administrativa e tributária.

Propaganda. Role para continuar lendo.

A economista-chefe do banco Crédit Suisse fez essas declarações durante entrevista aos jornalistas Pedro Campos, Marco Antônio Sabino e Cláudio Humberto, no Jornal Gente, da Rádio Bandeirantes.

As informações são do Diário do Poder


Guedes critica negacionistas que ignoram recuperação econômica

PIB cresce forte, previsão é de 5% este ano e pode chegar a 7% em 2022

Guedes: Economia brasileira está “surpreendendo o mundo”

Fórum Econômico Mundial promete censurar ‘desinformação sobre saúde’ e ‘conteúdo antivacina’


Propaganda. Role para continuar lendo.
Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

BRASIL

Requerimento da CPI da Covid representa "uma afronta à liberdade de expressão", diz o documento

BRASIL

Congressista também criticou estratégia que promoveu troca de congressistas que eram favoráveis à medida

BRASIL

De acordo com o ministro, indicação ocorreu fora do momento processual adequado

BRASIL

Relator da CPI da Covid, senador pretende analisar contas da empresa a partir de 2018

Anúncios