Bolsonaro Bolsonaro

Bolsonaro afirma que TSE trabalhou para eleger Lula

Ex-presidente acusa ministros de trabalharem para eleger candidato do PT ‘a qualquer preço’ em entrevista a influenciador português

No sábado 3, o ex-presidente Jair (PL) declarou que os membros do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) atuaram para garantir a eleição do presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) “a qualquer preço”. Conforme o Poder360, Bolsonaro reforçou que “ninguém consegue entender” como o ex-líder do Partido dos Trabalhadores conseguiu vencer a disputa eleitoral.

“A brasileira, o Supremo Tribunal Federal (STF), tirou o Lula da cadeia e depois o tornou elegível”, disse Bolsonaro, em entrevista ao influenciador português Sérgio Tavares. “E, depois, o STF, em que três dos seus ministros compõem o TSE, também trabalharam lá fazendo gestões para eleger Lula a qualquer preço.“

Então, durante o diálogo com Tavares, Bolsonaro expressou seu ceticismo sobre o resultado.

“Acabaram as eleições no ano passado [em 2022], e ninguém consegue entender como Lula da Silva ganhou.”

O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) é composto por três ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), três do Superior Tribunal de Justiça (STJ) e dois advogados indicados pelo próprio Supremo.

Nas eleições presidenciais de 2022, os membros do STF que participaram do tribunal eleitoral foram , presidente do TSE, Edson Fachin, vice-presidente do TSE, e Ricardo Lewandowski, ministro que se desligou do STF em 2023 para assumir o cargo de ministro da Justiça e a partir do primeiro dia de fevereiro.

Ex-presidente questiona o sistema eleitoral brasileiro

Bolsonaro tem frequentemente posto em dúvida a rapidez do sistema eleitoral brasileiro. Contudo, como enfatiza o portal Poder360, ele ainda não forneceu evidências de alegadas irregularidades.

No dia 18 de julho de 2022, o ex-chefe de estado alegou ter vencido no primeiro turno das eleições presidenciais de 2018, dizendo possuir provas para tal. Naquele momento, ele foi para o segundo turno com uma votação de 46,03%, enquanto (PT) obteve uma votação de 29,28%.

O antigo chefe de Estado não concorda com as auditorias que têm confirmado a segurança das “urnas eletrônicas”. As informações são da Revista Oeste.


Veja também

  1. Pelo menos,75% dos brasileiros, também não acreditam no resultado da eleição de 2022,houve fraude,sem dúvidas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *