Siga-nos em

Buscas no site

Bolsonaro Lidera Pesquisa Seguido Por Lula De Perto, E Datena Assume 3º Lugar
Bolsonaro Lidera Pesquisa Seguido Por Lula De Perto, E Datena Assume 3º Lugar
Bolsonaro Lidera Pesquisa Seguido Por Lula De Perto, E Datena Assume 3º Lugar

BRASIL

Bolsonaro lidera pesquisa seguido por Lula de perto, e Datena assume 3º lugar

Governador de São Paulo, João Doria (PSDB), em 5º lugar, é líder na rejeição: 57,2%

Governador de São Paulo, João Doria (PSDB), em 5º lugar, é líder na rejeição: 57,2%

Levantamento nacional realizado pelo Paraná Pesquisa confirma a liderança do presidente Jair Bolsonaro lidera em todos os cenários na disputa pela presidência da República, caso a eleição fosse realizada agora.

Bolsonaro é seguido de muito perto pelo ex-presidente Lula (PT), em situação de empate técnico, mas a principal novidade é o surgimento, com força, do nome de José Luiz Datena, apresentador de rádio e TV do Grupo Bandeirantes, firmando-se em terceiro lugar. A pesquisa foi encomendada pelo PSL.

Este é o primeiro levantamento com lista “enxuta” de pré-candidatos, tendo sido excluídos os nomes do apresentador de TV Luciano Huck, do ex-juiz e ex-ministro da Justiça Sérgio Moro e do fundador do partido Novo, João Amoêdo.

Propaganda. Role para continuar lendo.

Em um primeiro cenário proposto pelo Paraná Pesquisa, e certamente o mais provável, Bolsonaro aparece na liderança com 34,3% das intenções de voto, enquanto Lula surge logo atrás com 32,5%, em situação de empate técnico. Em terceiro lugar, Datena soma 7,5%.

Com a inclusão de Datena, Ciro Gomes (PDT) cai para quarto lugar, com 5,8%, empurrando para a quinta posição o governador de São Paulo, João Doria (PDB), que soma apenas 3,4%. Mandetta ganha com a exclusão de Moro, Huck e Amoêdo, saltando para 3,2%, enquanto Simone Tebet (MDB) fica em 1,1%

Veja os números no principal cenário para presidente, em 2022:

Propaganda. Role para continuar lendo.

A situação de empate técnico entre os dois principais candidatos a presidente se verifica em todos os demais cenários, inclusive de segundo turno, quando Bolsonaro soma 40% e Lula 40,2%.

O levantamento também apurou a rejeição dos eleitores a cada um dos candidatos, e os três primeiros colocados lideram também nesse campo.

Quando os pesquisadores quiseram saber o candidato no qual o eleitor afirma que não votaria de jeito nenhum, a rejeição do pré-candidato João Doria impressiona: 57,2%.

A lista dos candidatos com. maior rejeição, depois de Doria, contém Ciro (50,9%), seguido de Bolsonaro (50,4%) em empate técnico com Lula (49,7%). O apresentador tem a rejeição menos elevada: 42%.

Propaganda. Role para continuar lendo.

Veja os números da certeza do eleitor no voto e na rejeição:

O Paraná Pesquisas entrevistou 2.040 eleitores em 156 municípios de todos os Estado e do Distrito Federal, entre os dias 11 e 15 de deste mês.

Fontes: Paraná Pesquisas | Diário do Poder


Pesquisa: 60% dos paulistas desaprovam o governo de João Doria

Pesquisa: 60% da população não confia na urna eletrônica

Pesquisas mostram disputa acirrada, mas Bolsonaro “goleia” Lula nas redes sociais

Pesquisa: 56,7% dos brasileiros defendem pena de morte para assassinos bárbaros


Propaganda. Role para continuar lendo.
2 Comentários

2 Comentários

  1. AGOSTINO IULIANELLO

    28/07/2021 em 11:17 am

    O BRASIL É POR TRABALHADORES PAGADORES DE IMPOSTOS, INFELIZMENTE ESTAMOS VENDO ESSA TRISTE REALIDADE EM QUE “BANDIDOS POLÍTICOS CONDENADOS”, CONTINUAM LIVRES, LEVES E SOLTOS POR UM “STF” SEM UM “MÍNIMO DE CARÁTER ÉTICO MORAL E COMPETÊNCIA” POR ALGUNS ATUANTES DO MESMO QUE QUEREM DE QUALQUER MANEIRA IMPLANTAREM ESSE “LIXO COMUNISTA AUTORITARISTA” NO BRASIL MAIS TENHO FÉ QUE NÃO IRÃO CONSEGUIREM SEUS “MALDITOS INTENTOS” CONTRA A NOSSA AMADA PÁTRIA MÃE BRASIL!!!

  2. CEÇA ARAÚJO

    21/07/2021 em 7:48 pm

    SERÁ QUE AS SUCESSIVAS E GRANDIOSAS MANIFESTAÇÕES EM FAVOR DO PRESIDENTE BOLSONARO NÃO FORAM SUFICIENTES PARA DETERMINAR AS PESQUISAS? RESSALTO, QUE NÃO SE PODE SUBESTIMAR A SABEDORIA POPULAR.

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

BRASIL

Relator da PEC sobre a medida diz que a reforma ministerial pode ter solucionado entrave político

BRASIL

Congressista também criticou estratégia que promoveu troca de congressistas que eram favoráveis à medida

BRASIL

Capitais e diversas cidades pelo Brasil registraram atos já na manhã deste domingo

BRASIL

Deputado Paulo Eduardo Martins avalia que, dependendo do tamanho, as manifestações previstas para o próximo domingo, 1º, podem levar a mudanças na votação da...

Anúncios