Siga-nos em

Buscas no site

Presidente Jair Bolsonaro
Presidente Jair Bolsonaro
Presidente Jair Bolsonaro Foto: Alan Santos/PR

BRASIL

Bolsonaro questiona a omissão da mídia: “Muita gente que tomou a segunda dose está morrendo”

Presidente também criticou governos petistas

Presidente também criticou governos petistas

O presidente Jair Bolsonaro, que está passando o feriado de Nossa Senhora Aparecida no Guarujá, litoral paulista, negou nesta segunda-feira (11) que seja “negacionista” e voltou a defender o tratamento precoce contra a Covid-19.

Em conversa com jornalistas após deixar o Hotel de Trânsito para dar uma volta de moto pela cidade, Bolsonaro voltou a criticar a vacina CoronaVac e a vacinação de jovens. Ele disse que sua gestão liberou, em dezembro, R$ 20 bilhões para a compra de vacinas.

– Não me chamem de negacionista porque só em dezembro a medida provisória foi um checão de R$ 20 bilhões para comprar vacina – destacou.

Aos jornalistas, Bolsonaro questionou a razão de não se divulgar o número de mortes de pessoas já vacinadas.

Propaganda. Role para continuar lendo.

– Não divulgam. Muita gente que tomou a segunda dose está morrendo. Por que muitos governadores e prefeitos vacinaram jovens de 12 a 17 anos? Baseados em quê? Recomendação da Anvisa? Estamos mexendo com vidas. Na molecada abaixo de 20 anos, a chance de não ter nada é de 99,9%. Compensa o custo benefício da vacina? – disse.

O presidente ressaltou ainda a importância da preservação da economia e disse que foi ele o responsável por evitar um aumento no índice de desempregos.

– Que nenhum prefeito reclame. São Paulo fechou tudo. A previsão de queda de arrecadação é de 20%. Tiveram superávit comigo. Quem deu trabalho fui eu, evitando a diminuição de empregos.

Bolsonaro disse que, nesta terça-feira (12), deverá ir à cidade de Aparecida, no Vale do Paraíba, para as celebrações do dia da padroeira do Brasil, Nossa Senhora Aparecida. E no dia seguinte, quarta-feira (13), irá para Miracatu, interior de São Paulo, para a entrega de títulos da reforma agrária.

LULA

Na conversa com jornalistas, o presidente da República ironizou a gestão dos ex-presidentes petistas Lula e Dilma.

Propaganda. Role para continuar lendo.

– Quero parabenizar o Lula e a Dilma [que] não deixaram nenhuma obra sem concluir no exterior, parabéns! – disse Bolsonaro, citando a conclusão do metrô de Caracas.

Na gestão, obras também foram realizadas em Cuba e na Venezuela com o auxílio do governo brasileiro.

– Parabéns ao PT, que trabalhou muito forte fora do Brasil com dinheiro nosso. Pergunta para quem está pagando a conta aí – ironizou.


Jogador cristão da NBA lidera movimento contra vacinação

Bolsonaro sobre o preço da Coronavac: “Temos documentado a oferta para nós a 5 dólares, e o Butantan tá vendendo a 10”

Itália: milhares saem às ruas contra o passaporte da vacina

Baixa efetividade: Ministério da Saúde informa que vai deixar de usar CoronaVac em 2022


Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

MUNDO

Autoridades de saúde do governo chinês recentemente começaram a vacinar crianças de até três anos contra o coronavírus chinês, informou o China Daily na...

BRASIL

Resolução autoriza a retomada de julgamentos e outras atividades presenciais envolvendo público externo a partir do dia 3 de novembro

BRASIL

Parlamentar diz que a medida visa proibir a punição de pessoas que exerçam o direito de não se submeterem à vacinação

BRASIL

Durante entrevista a uma rádio, presidente rebateu uma polêmica envolvendo a vacina contra a Covid-19

Anúncios