Siga-nos em

Buscas no site

Se Congresso Não Aprovar Voto Auditável, Nosso Lado Pode Não Aceitar
Se Congresso Não Aprovar Voto Auditável, Nosso Lado Pode Não Aceitar
Se Congresso Não Aprovar Voto Auditável, Nosso Lado Pode Não Aceitar

BRASIL

Bolsonaro: Se Congresso não aprovar voto auditável, nosso lado pode não aceitar

Presidente deu declarações nesta quarta-feira

Presidente deu declarações nesta quarta-feira

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) criticou o que classificou de “interferência absurda de ministros do Supremo Tribunal Federal (STF)”. Além disso, ele voltou a destacar que, sem a implementação do voto auditável, o resultado das eleições em 2022 pode não ser reconhecido.

– Algum lado pode não aceitar o resultado. Esse obviamente é o nosso lado. Se Lula ganhar no voto auditável, sem problema algum, será a vontade popular – afirmou.

Bolsonaro deu declarações nesta quarta-feira (7), em entrevista à Rádio Guaíba, do Rio Grande do Sul.

O chefe do Executivo também criticou o ministro Luís Roberto Barroso por, segundo ele, fazer articulações dentro do Congresso contra a aprovação da emenda do voto impresso, de autoria da deputada federal Bia Kicis (PSL-DF).

Propaganda. Role para continuar lendo.

– Barroso tem interesse pessoal nisso – disse.

O presidente afirmou ainda que, sem um sistema de recontagem dos votos, “vão arrumar problemas no ano que vem”.

– Quem vai decidir eleição no ano que vem vai ser quem conta o voto. Hoje em dia, quem conta o voto é o TSE de forma secreta e sabemos qual é a vida pregressa do Barroso. A democracia está ameaçada por alguns de toga que perderam a noção de até onde vai seus direitos, seus deveres.

As informações são da AE


Partidos fazem manobra para barrar PEC do voto auditável

Bolsonaro questiona se “Barroso é refém de alguém” por ser contra voto impresso

Barroso, Moraes e Fachin montam ‘artilharia pesada’ contra voto impresso

Barroso vai almoçar no Leblon e é cobrado sobre voto impresso


Propaganda. Role para continuar lendo.
Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

BRASIL

Relator da PEC sobre a medida diz que a reforma ministerial pode ter solucionado entrave político

BRASIL

Congressista também criticou estratégia que promoveu troca de congressistas que eram favoráveis à medida

BRASIL

Capitais e diversas cidades pelo Brasil registraram atos já na manhã deste domingo

BRASIL

Chefe da pasta de Infraestrutura afirmou que as novas concessões já isentarão as motos

Anúncios