Siga-nos em

Buscas no site

Filho De Fernández Se Declara Não Binário Após Decreto Do Pai
Filho De Fernández Se Declara Não Binário Após Decreto Do Pai
Filho De Fernández Se Declara Não Binário Após Decreto Do Pai

MUNDO

Esquerdismo: Filho de Fernández se declara não binário após decreto do pai

Dyhzy afirma que irá mudar gênero e nome em seus documentos oficiais

Dyhzy afirma que irá mudar gênero e nome em seus documentos oficiais

O filho do presidente argentino Alberto Fernández, Dyhzy, se declarou como pessoa não binária nesta quinta-feira (22) e disse que mudará o gênero em seu documento de identificação.

As afirmações ocorrem um dia após Fernández publicar um decreto presidencial para incluir a alternativa “X” na parte de gênero nos documentos oficiais, para pessoas que não se identificam nem como homens, tampouco como mulheres.

Em uma transmissão em sua rede social, Dyhzy comemorou o decreto do pai e diz que medidas como essa levarão a mais pessoas a naturalizarem a agenda LGBTQIA+.

Propaganda. Role para continuar lendo.

– Quando o Estado reconhece uma lei, essa lei vai se naturalizando. Hoje não é diferente, não chama a atenção ver um casal homossexual se casando, pois se aprovo o matrimônio igualitário. Esse tipo de direito é necessário ser reconhecido pelo Estado. Mais do que falta, as pessoas precisam primeiro se desconstruir, mais gente vai naturalizar isso. Obviamente que existe gente do mal: transfóbica, homofóbica. [Mas] Continuamos conquistando direitos. Nenhum retrocesso vai nos impedir – declarou.

Registrado como Estanislao, Dyhzy também mudará o seu nome nos documentos pois nunca se sentiu “identificado” com ele.

– Não gosto. Nunca na minha vida me senti identificado com esse nome. É por isso que nem o digo e peço que o façam. Não me chame assim – pediu.


Esquerdismo: Argentina inclui gênero não binário em documento de ‘RG’

Esquerdismo: Argentina abre licitação para comprar 10 mil pênis de madeira

Socialismo: Fugindo da crise, argentinos buscam nova vida no Brasil

Argentina aprova lei que força governo a contratar transgêneros


Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Notícias

Deputado José Guimarães admite a possibilidade "desde que seja combinado o jogo"

BRASIL

Arthur do Val teve vídeo exposto nas redes sociais

BRASIL

Escolha dos temas e personalidades homenageadas é alvo de críticas

MUNDO

"Me prenda e esta noite eu irei comer", grita a mulher com policiais

Anúncios