Siga-nos em

Buscas no site

Voto Impresso Não Deve Ser Implementado Em 2022
Voto Impresso Não Deve Ser Implementado Em 2022
Voto Impresso Não Deve Ser Implementado Em 2022

BRASIL

TSE: Voto impresso não deve ser implementado em 2022

De acordo com a Corte, mesmo que proposta passe no Congresso, não há tempo para ser efetivada nas próximas eleições

De acordo com a Corte, mesmo que proposta passe no Congresso, não há tempo para ser efetivada nas próximas eleições

Um dos temas mais em alta hoje é a adoção do voto impresso auditável para as eleições. Há uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) sobre o assunto tramitando na Câmara. Mas, mesmo que ela seja aprovada, pode acabar não servindo para o pleito em 2022.

Em uma nota enviada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ao jornal Folha de S.Paulo no sábado (22), a Corte informou que a “implantação do voto impresso envolve um procedimento demorado”.

O texto sobre o tema em discussão na Câmara é de autoria da deputada Bia Kicis (PSL-DF) e determina que, “na votação e apuração de eleições, plebiscitos e referendos, seja obrigatória a expedição de cédulas físicas, conferíveis pelo eleitor, a serem depositadas em urnas indevassáveis, para fins de auditoria”.

Propaganda. Role para continuar lendo.

No entanto, o TSE ressaltou que a implantação de uma nova urna necessita de uma licitação “pautada por rígidos trâmites administrativos e burocráticos”. Essa licitação não teria um prazo de duração especificado, “tendo em vista o tempo necessário para as especificações técnicas e a margem de imprevisibilidade decorrente dos procedimentos de qualificação e dos eventuais recursos administrativos e judiciais”.

Além disso, a Corte apontou que o sistema das urnas eletrônicas é “confiável e auditável em todos seus passos” e explicou que “a implantação do voto impresso envolve um procedimento demorado, embora não seja possível, neste momento, estimar sua duração”.

Fonte: Pleno

Propaganda. Role para continuar lendo.

Senado quer saber o que o povo pensa sobre o voto impresso

Brasil é o único país que utiliza urnas eletrônicas sem voto impresso

Lira instala comissão que vai analisar PEC do voto impresso

Revista: Toffoli recebeu R$ 3 mi para mudar voto e R$ 1 mi por liminar, diz Cabral


1 Comment

1 Comment

  1. Jairo Eduardo Archila

    26/05/2021 em 1:26 pm

    Hipócritas, não há tempo de arrumar outro meio para derrubar Bolsonaro, digam logo isso! 🤜💂👨‍✈️🤛💪🙏🇧🇷

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

BRASIL

Presidente discursou e foi ovacionado

BRASIL

Integrantes do Supremo consideram que não há elementos para comprovar o cometimento de crimes por Bolsonaro

BRASIL

O presidente reclamou de julgamentos no STF que têm derrubado a obrigatoriedade da compra e manutenção no acervo do livro religioso

MUNDO

Venezuelano se pronunciou por meio de uma rede social, nesta quarta-feira

Anúncios