Siga-nos em

Buscas no site

Unicamp Vai Suspender Salário De Servidor Que Não Apresentar Comprovante De Vacinaçã
Unicamp Vai Suspender Salário De Servidor Que Não Apresentar Comprovante De Vacinaçã
Unicamp vai suspender salário de servidor que não apresentar comprovante de vacinação – Foto: Thomaz Marostegan / Unicamp

BRASIL

Unicamp vai suspender salário de servidor que não apresentar comprovante de vacinação

Medida é válida para os colaboradores que se recusarem a tomar a dose do imunizante contra a Covid-19

Medida é válida para os colaboradores que se recusarem a tomar a dose do imunizante contra a Covid-19

A Unicamp (Universidade de Campinas) divulgou uma normativa, nesta quarta-feira (29), que regulamenta a apresentação do comprovante de vacinação contra a Covid-19 dos colaboradores da instituição.

O texto do documento (leia na íntegra aqui) aponta que o servidor que não apresentar o comprovante de vacinação e recusar a dose do imunizante terá o salário suspenso.

A universidade informou que a obrigatoriedade tem como objetivo proteger os próprios servidores e trazer segurança ao ambiente de trabalho para o retorno das atividades presenciais.

Propaganda. Role para continuar lendo.

Desta forma, o colaborador que não comprovar que recebeu a dose da vacina contra a Covid-19 e não apresentar uma justificativa e, além disso, se recusar a tomar a dose, terá o salário suspenso até o cumprimento da exigência.

A normativa diz que o servidor será previamente notificado a respeito da suspensão do pagamento, que ocorrerá a partir da data da notificação.

O texto da normativa ainda traz que todos os servidores da universidade, de todas as carreiras, deverão obrigatoriamente cumprir com o cronograma oficial de vacinação contra o coronavírus e deverão comprovar a vacinação no prazo de cinco dias a contar do momento que receber a dose por meio da apresentação do cartão de vacinação, pelo sistema informatizado da Unicamp.

Propaganda. Role para continuar lendo.

Bolsonaro: passaporte da vacina é forma de “discriminar, separar as pessoas”

A imprensa alternativa é a salvação do jornalismo, diz Alexandre Garcia

Paes ironiza liberdades individuais após Justiça suspender passaporte da vacina no Rio

Justiça suspende passaporte da vacina no RJ: ‘Ditadura sanitária’


1 Comment

1 Comment

  1. Alexandre Macedo

    01/10/2021 em 10:16 am

    Isso é um ABSURDO COMPLETO!
    Salário é a remuneração pelo trabalho prestado, não é favor!… Não pode ser usado como moeda para coação!…

    Passaporte Sanitario é a maior imbecilidade que criaram!… Nao existe fundamento. É Controle e histeria… Não há ciência nisso!

    Que chova processos!
    Na torcida pra que esses Tiranetes sejam enquadrados!
    CANALHICE!!

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

MUNDO

As pessoas na Áustria que optaram por não receber a vacina contra covid enfrentarão o bloqueio em casa se o número de hospitalizações graves...

BRASIL

Vereadora Fernanda Barth, de Porto Alegre, afirma que manifestantes pacíficos foram agredidos na Câmara Municipal

MUNDO

Com 18 anos, ela tomou a primeira dose do imunizante da AstraZeneca e teve uma trombose

BRASIL

O presidente é a favor da liberdade e crítico do passaporte de vacinação e da obrigatoriedade da vacina  

Anúncios