Cerca De 380 Passageiros Estavam No Avião Comercial Cerca De 380 Passageiros Estavam No Avião Comercial

Vídeo: Passageiro filma interior de avião em acidente que deixou 5 mortos no Japão

Duas aeronaves, entre elas uma militar, colidiram em Tóquio

Nesta terça-feira, 2, um indivíduo a bordo de um voo da Japan Airlines registrou em vídeo o interior da aeronave após o incidente em que colidiu com um avião da Guarda Costeira do no Aeroporto Internacional de Haneda, em Tóquio. As autoridades relataram que cinco pessoas faleceram e outras 17 ficaram feridas.

Nas fotografias é visível o avião em chamas em parte, enquanto tentava interromper a sua trajetória logo após a aterragem. Poucos momentos depois, o avião conseguiu parar e todos os 367 passageiros e 12 membros da tripulação desembarcaram.

A aeronave do voo 516 partiu do Aeroporto de Chitose, localizado em Hokkaido, a segunda maior ilha do Japão, com destino ao Aeroporto Haneda, em Tóquio. O avião aterrissou às 17h47, no horário local (equivalente a 5h47 pelo horário de Brasília).

As filmagens das câmeras de segurança do aeroporto revelam uma perspectiva diferente, mostrando os aviões envolvidos no acidente explodindo. Logo após, uma densa fumaça negra se espalha pela cabine. Seguindo os procedimentos de segurança, a equipe da companhia aérea conseguiu retirar os passageiros gradualmente.

Fumio Kishida, o líder do governo japonês, afirmou que está coletando informações para identificar as falhas que resultaram na colisão dos aviões. Além disso, o acidente também levou ao cancelamento de todos os voos no aeroporto.

Cinco morreram em acidente

De acordo com a NHK, a emissora japonesa, cinco dos seis membros da tripulação do avião da Guarda Costeira perderam a vida no acidente. Além disso, 17 indivíduos sofreram ferimentos, incluindo o piloto da aeronave, que está hospitalizado em condição crítica.

Na segunda-feira, 1°, um avião militar estava voando em direção à base militar de Niigata, localizada na costa oeste do país asiático, com o intuito de fornecer auxílio às cidades afetadas pelos terremotos.

Os abalos sísmicos atingiram uma intensidade de magnitude 7 e resultaram na morte de 48 indivíduos. Conforme relatado pela NHK, um idoso foi a primeira pessoa a sucumbir à tragédia. Apesar de ter sido resgatado e encaminhado para um hospital local, ele não sobreviveu.

Existem também registros de indivíduos feridos e quedas de edifícios em cinco regiões: Ishikawa, Niigata, Fukui, Toyama e Gifu. As informações são da Revista Oeste.


Veja também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *