Siga-nos em

Buscas no site

Califórnia Estudará As Reparações Aos Negros Americano Descendentes De Pessoas Escravizadas Nos Estados Unidos
Califórnia Estudará As Reparações Aos Negros Americano Descendentes De Pessoas Escravizadas Nos Estados Unidos
Califórnia Estudará As Reparações Aos Negros Americano Descendentes De Pessoas Escravizadas Nos Estados Unidos

MUNDO

Califórnia estudará as reparações aos negros americano descendentes de pessoas escravizadas nos Estados Unidos

Reparações Aos Negros Americano Descendentes de escravos como uma consideração especial para afro-americanos descendentes de pessoas escravizadas nos Estados Unidos

“Dívida” com os escravos

O estado da Califórnia estudará as reparações aos negros americanos, graças a um projeto de lei assinado na quarta-feira pelo governador Gavin Newsom.

O projeto criará uma “Força-tarefa para estudar e desenvolver propostas de reparação para afro-americanos, com uma consideração especial para afro-americanos descendentes de pessoas escravizadas nos Estados Unidos”, de acordo com o texto do projeto.

A Califórnia foi admitida na União em 1850 como um estado livre e não tem histórico de escravidão legal.

Como o Departamento de Parques e Recreação do estado observa em seu site (ênfase original):

Em 1849, os californianos procurando um Estado, entraram, após intenso debate no Congresso dos EUA decorrentes do problema da escravidão, para União como um estado livre, pelo acordo de 1850.

Califórnia tornou-se o estado 31 em 9 de setembro de 1850. A rica história do Golden State desde então foi moldada por pessoas de todas as origens étnicas que viajaram para cá em busca de oportunidades econômicas, sociais e educacionais e uma vida de qualidade e beleza deslumbrante.

Apesar da história livre da Califórnia, a força-tarefa de reparações tem a missão de avaliar a história e o impacto da escravidão nos Estados Unidos como um todo.

O objetivo, como acontece com muitas políticas da Califórnia, é ser um modelo para políticas liberais em outros lugares – ou, ser “um paradigma que esperamos que seja espalhado em todos os Estados Unidos”.

Porém, há pelo menos um problema: os critérios de seleção para a força-tarefa de nove membros parecem ser raciais, e a constituição da Califórnia atualmente proíbe a discriminação com base na raça. (I

O texto do projeto AB 3121 declara: “Os membros devem ser provenientes de diversas origens para representar os interesses das comunidades de cor em todo o estado. ”


Governo da Califórnia assina projeto de lei que amenizará pena criminal para adultos LGBT que fazem sexo com adolescentes

Colocar uma raça ou um grupo étnico contra outro é um jogo que a esquerda vem jogando há muito tempo.,

Pastor da Filadélfia pede reparação: 200 anos de faculdade gratuita para estudantes negros


Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Útimas

BRASIL

Os Estados Unidos e Brasil, junto com 30 outros países, assinaram na quinta-feira um documento declarando que “não existe direito internacional ao aborto”.

MUNDO

Decisão diz que abortar crianças com defeitos congênitos é inconstitucional.

Artigos

Ao contrário do populismo e da demagogia, a receita chilena nos últimos quarenta e cinco anos foi o respeito à propriedade privada e à...

Artigos

O resultado natural de anos de preconceito educacional: Isso tem um efeito considerável nas opiniões e na ideologia do público

BRASIL

eduzimos 90% de nossos negócios. Estamos abertos todos os dias desde a reabertura em junho, mas reduzimos nosso horário. ”

Você pode gostar

BRASIL

Os Estados Unidos e Brasil, junto com 30 outros países, assinaram na quinta-feira um documento declarando que “não existe direito internacional ao aborto”.

MUNDO

Decisão diz que abortar crianças com defeitos congênitos é inconstitucional.

Artigos

Ao contrário do populismo e da demagogia, a receita chilena nos últimos quarenta e cinco anos foi o respeito à propriedade privada e à...

Artigos

O resultado natural de anos de preconceito educacional: Isso tem um efeito considerável nas opiniões e na ideologia do público