Nicolás Maduro Zomba Das Eleições Nos EUA A Venezuela é 'civilizada E Transparente' Nicolás Maduro Zomba Das Eleições Nos EUA A Venezuela é 'civilizada E Transparente'

Ditadura de Maduro marca eleições para julho; oposição está fora da disputa

Até agora, todos os nomes de críticos do regime da Venezuela foram afastados da corrida eleitoral

A data das eleições presidenciais na , marcada para 28 de julho, foi divulgada na terça-feira 5 pelo presidente do Conselho Eleitoral Nacional da Venezuela, Elvis Amoroso, órgão sob controle da de Nicolás Maduro.

O ditador Nicolás Maduro, que está no poder desde 2013, irá disputar a “reeleição”. Ainda é incerto se haverá um candidato da oposição e quem seria esse candidato. Os principais líderes oposicionistas foram barrados da disputa.

A candidata María Corina Machado, que conquistou a vitória nas primárias da oposição em outubro por uma maioria esmagadora, está agora inelegível. O Tribunal da Venezuela, que se alinha com o regime, confirmou uma decisão da que a proíbe de concorrer a cargos públicos por um período de 15 anos.

Outros adversários, tais como Henrique Capriles e Juan Guaidó, também estão proibidos de concorrer, conforme determinação feita em junho de 2023 pela Controladoria-Geral do país, igualmente aliada de Maduro.

Inicialmente, havia um consenso entre o governo e a oposição para a realização das eleições no segundo semestre de 2024, sob a supervisão de observadores internacionais, inclusive da União Europeia e da Organização das Nações Unidas. No entanto, o regime ditatorial adiantou a votação para 28 de julho, data que marca o aniversário do ditador Hugo Chávez, que faleceu em 2013.

A instabilidade do cenário eleitoral na Venezuela surge após a ditadura de Maduro ter assumido o compromisso de conduzir eleições “limpas e transparentes” no país. Essa era uma condição para que os removessem as sanções ao setor de petróleo.

Maduro indicou nos últimos meses que não honrará a promessa e, como resultado, os EUA já reinstalaram sanções.

Veja também

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *