Valdemar E Bolsonaro Valdemar E Bolsonaro

Em ano de eleições, Bolsonaro é proibido de se comunicar com o presidente do PL

Ministro Alexandre de Moraes proíbe ex-presidente de se comunicar com investigados em nova operação

O ex-presidente Jair (PL) e , chefe do seu partido, estão com a comunicação entre si restrita após serem o foco de uma ação da Polícia Federal que analisa uma possível tentativa de golpe de Estado para anular as eleições de 2022. A decisão foi estabelecida pelo membro do Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, que também solicitou a entrega do passaporte de Bolsonaro no prazo de 24 horas.

A estratégia eleitoral do PL para as eleições municipais deste ano é diretamente afetada pela operação da Polícia Federal, autorizada por Moraes, uma vez que a determinação do magistrado impede Bolsonaro de discutir a campanha com Valdemar.

, advogado de Bolsonaro, assegurou nas plataformas online que o ex-chefe de estado acatará a decisão do tribunal, entregando seu passaporte aos órgãos responsáveis. Ele também compartilhou que Tércio Arnaud Thomaz, antigo assessor de Bolsonaro e membro do ‘gabinete do ódio’, regressará a Brasília em obediência à ordem de não interagir com os demais suspeitos.

O fato de Bolsonaro ter informado ao STF sobre sua saída do Brasil em viagens internacionais anteriores também foi ressaltado por Wajngarten, como foi o caso de um convite para visitar a Argentina feito pelo governo eleito.

No âmbito das redes sociais, (PL-SP), filho do ex-chefe de estado, expressou críticas à operação e declarou que a política brasileira está sendo determinada pelo Supremo.


Veja também

  1. Não dianta o STF XANDÃO proibir BOLSONARO e Valdemar Costa Neto de se falar sobre as eleições Até porque o povo ja sabem em quem votar para Prefeito

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *