Siga-nos em

Buscas no site

Tenista Novak Djokovic
Tenista Novak Djokovic
Tenista Novak Djokovic Foto: EFE/EPA/Dave Hunt

MUNDO

Juiz libera entrada de Djokovic e anula cancelamento de visto

O atleta teve entrada barrada na Austrália na última semana e precisou passar por audiência judicial

O atleta teve entrada barrada na Austrália na última semana e precisou passar por audiência judicial

A Justiça da Austrália anulou a decisão do governo do país de cancelar o visto do tenista Novak Djokovic e ordenou que o atleta sérvio seja liberado da instalação de detenção temporária onde estava desde a última quinta-feira (6, pelo horário local). A decisão foi tomada pelo juiz Anthony Kelly, às 17h16 (03h16, pelo horário de Brasília).

De acordo com o magistrado, o Ministério de Assuntos Internos da Austrália deverá pagar os custos de Djokovic, conforme acordado ou avaliado, e todos os pertences do tenista, incluindo o passaporte, devem ser devolvidos a ele “assim que for razoavelmente praticável”.

Após o anúncio da decisão, o advogado do governo federal australiano, Christopher Tran, disse que a administração cumprirá a decisão, mas declarou que o Ministro da Imigração, Cidadania, Serviços para Migrantes e Assuntos Multiculturais consideraria “se deve exercer um poder pessoal de cancelamento”.

Propaganda. Role para continuar lendo.

Como resposta, o juiz Anthony Kelly deixou claro que gostaria de ser informado se o processo legal se arrastasse. Kelly também confirmou que, se Djokovic tivesse sido deportado, ele não teria permissão para voltar ao país pelos próximos 3 anos.


‘Djokovic será um símbolo do mundo livre’, diz pai do tenista

Família denuncia situação de Djokovic: “Ele é um prisioneiro”

Sem vacina, Djokovic tem visto cancelado e deixará Austrália

Marcão sobre vacina em crianças: ‘Se questiono, sou chamado de negacionista’


Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

BRASIL

Executivo disse também que é preciso aperfeiçoar as vacinas para que a frequência seja anual

MUNDO

Paciente era o primeiro da fila de espera pelo órgão

MUNDO

Governo belga exige a dose de reforço para população frequentar bares ou cinemas cinco meses depois da imunização contra a covid-19

BRASIL

Instituto Butantan tem capacidade máxima para fabricar até 1 milhão de doses por dia

Anúncios