Siga-nos em

Buscas no site

Papa Francisco Se Declarou Contra Toda Intervenção Estrangeira Na Ditadura Venezuelana
Papa Francisco Se Declarou Contra Toda Intervenção Estrangeira Na Ditadura Venezuelana
Papa Francisco Se Declarou Contra Toda Intervenção Estrangeira Na Ditadura Venezuelana

MUNDO

Papa Francisco se declarou contra toda intervenção estrangeira na ditadura Venezuelana

“E peço ao Senhor que nenhuma intervenção externa os impeças de trilhar este caminho de unidade nacional ”, disse o pontífice argentino.

O Pontífice enviou uma mensagem por ocasião da beatificação do doutor José Gregorio Hernández. Ele pediu aos venezuelanos reconciliação e unidade

O Papa Francisco se manifestou nesta quinta-feira contra qualquer “intervenção externa” na Venezuela em uma mensagem enviada por ocasião da beatificação do doutor José Gregorio Hernández, na qual pedia “reconciliação” e “unidade” aos venezuelanos.

“Peço que, entre todos nós, recuperemos aquela Venezuela na qual todos sabem que se encaixam, na qual todos podem encontrar um futuro. E peço ao Senhor que nenhuma intervenção externa os impeças de trilhar este caminho de unidade nacional ”, disse o pontífice argentino.

Ele lembrou as ” prolongadas dificuldades e angústias ” dos venezuelanos, que ” foram agravadas pela terrível pandemia “, e pediu a unidade e a reconciliação para o bem do país.

O argentino explicou que a beatificação de José Gregorio (1864-1919) ocorre em ” um momento particular e difícil para os venezuelanos ” e expressou seu desejo de visitar o país.

Propaganda. Role para continuar lendo.

“Como meus irmãos bispos, conheço bem a situação que eles sofrem e estou ciente de que suas prolongadas privações e angústias foram agravadas pela terrível pandemia de COVID-19 que afeta a todos nós”, acrescentou.

Ele também queria lembrar ” os muitos mortos e tantos infectados pelo coronavírus que pagaram com a vida para manter suas tarefas em condições precárias “.

“Esta mesma pandemia, que hoje atinge esta grande festa da fé da beatificação e que a reduz para evitar contágios por razões de segurança e saúde, coloca-nos todos em casa, não nos permite sair para festejar, gritar, não, porque a pandemia é perigosa ”, disse, lembrando que será uma cerimônia com poucos fiéis devido às restrições.

Nesta ocasião, Francisco teve também presente “ todos os que deixaram o país em busca de melhores condições de vida, mas também os que estão privados de liberdade e os que carecem do que é mais necessário.

Esperou que está beatificação “ possa produzir entre todos a resposta do bem comum tão necessário para que o país renasça, renasça depois da pandemia com espírito de reconciliação” e exortou os venezuelanos a “darem passos concretos em meio a as dificuldades a favor da unidade, sem ser vencido pelo desânimo ”.

Propaganda. Role para continuar lendo.

“ Peço a Deus a reconciliação e a paz entre os venezuelanos, gostaria de visitá-los ” , anunciou Francisco, que defendeu que “ as instituições públicas sempre sabem dar segurança e confiança a todos , e que os povos dessa bela terra sempre encontram oportunidades para o desenvolvimento humano e a convivência ”.

O Papa também pediu aos venezuelanos que busquem o caminho da unidade nacional “ para o bem da Venezuela ” e que todos “com seriedade e sinceridade, a partir do respeito e do reconhecimento recíproco, colocando o bem comum antes de qualquer outro interesse, trabalhar pela unidade, paz e prosperidade, para que, desta forma, os cidadãos possam viver com normalidade, produtividade, estabilidade democrática, segurança, justiça e esperança ”.

Confessou que todos os venezuelanos que conheceu lhe perguntaram quando José Gregorio ia ser beatificado e disse que o chamado “doutor dos pobres” era “um modelo de santidade comprometido com a defesa da vida, com os desafios da história e, particularmente, como paradigma de serviço ao próximo, como bom samaritano, sem excluir ninguém ”.

O Papa só não falou contra a ditadura comunista que destruiu a Venezuela. O socialismo que faz a população do país passar fome e viver condenada ao sofrimento e a miséria.

Propaganda. Role para continuar lendo.

Fonte: Agência AFP 


O Papa Francisco recomenda a meditação como barreira contra o ‘estresse diário’: “não importa qual religião”

L’Osservatore Romano: Papa Francisco Pendura Imagem Blasfema De Um ‘Jesus Nu’ Acariciando Judas Atrás De Sua Mesa No Vaticano

“A natureza jamais perdoa”, diz Papa Francisco na Cúpula do Clima

Em missa com presos, Papa diz que compartilhar bens ‘não é comunismo’


Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

BRASIL

Partido diz que governo ditatorial venezuelano é legítimo

MUNDO

Segundo estimativas, tendência de queda na economia do país vizinho deve manter-se ainda no próximo ano

Artigos

O documento bombástico foi acessado por investigadores do Departamento de Estado dos EUA.

MUNDO

Mortos por coronavírus são arrastados escada abaixo de um posto de saúde

Anúncios